sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Repaginando a área de serviço


Fiquei mais ansiosa que criança em noite de natal para postar aqui o que fiz de arrumação e transformação no cantinho onde é minha área de serviço.
Tudo começou quando ganhamos um micro-ondas usadinho bem bom.E aí como minha cozinha é interligada com a área, e não sobrava espaço tive que reformular tudo que ficava na área.
Pensei muito e vasculhei toda a net procurando ideias possíveis e mudanças para melhorar a funcionalidade e beleza da área/lavanderia.


Fiz um esboço bem básico das mudanças de móveis e posições ,e em cima disso desmontamos toda área.Limpeza geral em tudo, inclusive nas paredes e porta.Peguei dicas no blog querido Decorar é Preciso e montei todo esquema na cabeça e no papel.
Mas pra que vocês entendam "BEM" o caos que estava esse canto, sem nenhum amor, sem nenhum cuidado, apenas coisas acumuladas num espaço atrás da porta, segue uma foto um dia antes de tudo começar...Não sei se a imagem não será forte demais,hehehe....




Bagunça geral!! No canto esquerdo ficava o paneleiro branco, no meio um gaveteiro de plástico com o cesto de roupas em cima, acima mãos francesas segurando ferramentas e aspirador de pó, e no canto meus amados caixotes-estante cheios de baderna...A verdadeira visão do inferno!




Pra começar, troquei de lugar os caixotes com o paneleiro, removi as mãos francesas e o aspirador de pó que foi pro meu quarto, e o gaveteiro plástico que foi pra área na parte externa.O cesto foi pro quarto próximo ao banheiro para facilitar o acesso.
 Dito isso, comecei a dar um toque a mais com o nosso amigo contact.




Começando a dar amor ao cantinho com um contact lindo imitando os azulejos portugueses.Dicas de sempre ao colocar na parede, vá retirando as pontas e passando uma régua ou espátula plástica.Em caso de bolhas permanentes, uma agulha fininha para furar os espaços e alisar com carinho.Sai tudo.
Ou quase tudo.Dá trabalho mas pelo resultado, vale a pena!




Ajeitei os caixotes de uma maneira que eu pudesse colocar o micro em cima e ficasse reto. Aproveitei o contact e encapei os espelhos de luz que tenho nesse canto. Sobrou reformulação até pro  meu puxa saco que ganhou uns retalhos coloridos também.




Aqui a visão da cozinha para área, com a porta dos fundos,que vai ganhar uma cor muito em breve.Ao lado dos caixotes colocamos o paneleiro. A parede do lado da porta tem contact cinza até quase o teto. Única coisa diferente que fiz pela área na época. O quadro negro que estava na cozinha e agora vou manter na área para anotações e divagações, além do meu novo quadrinho pra ajudar quando uma meia se rebela e não é lavada com seu par.




A visão desde a sala,passando pela cozinha que é aberta, é da minha porta dos fundos. Acima dela tem o quadro lindo que comprei da talentosa Veronica Kraemer . 
O berrante veio da família do meu marido e acho uma injustiça ficar guardado dentro do armário.




A direita da porta vem a janelinha que anteriormente tinha mostrado aqui, em que a cortina é apenas um pedaço de juta branca com fios dourados, presa no batente da mesma.Vem o tanque que não dispenso, de louça e a máquina de lavar.Pra dar uma bossa coloquei um quadrinho e procuro deixar a máquina sempre tapada pois como se dá pra notar, fica ao lado da mureta que divide a área e a cozinha.




O quadrinho eu reaproveitei a moldura e coloquei uma imagem vintage bem divertida, dá um zoom.
E assim posso dizer pra vocês que minha área de serviço ficou bem mais apresentável, funcional e também bonita aos olhos.

ANTES



DEPOIS





De todas artes que fiz até agora, a que mais me agradou foi essa reformulação da área que me inspirou e muito . Realoquei coisas , reorganizei os lugares e com contact e quadrinhos deixei uma área de serviço funcional e integrada a cozinha sem aquela bagunça toda que doía aos olhos.Um simples presente me fez colocar a cachola pra pensar e em cima disso, tudo ganhou vida.
Espero que tenham curtido.


Abraços maravilhados,
Fernanda

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

DIY COLETIVO - Quadrinho



Oi pessoas queridas!! Voltei a participar do projeto do DIY COLETIVO e dessa vez espero estar fazendo os passos todos certinhos!
Esse mês a proposta foi super amada pela maioria,pois tenho certeza que todas que colocam a mão na massa se encantam e ficam loucas para reaproveitar materiais que iriam para o lixo.
Esse tema facilita a criatividade um bocado, pois deixa a mente viajar e idealizar qualquer coisa.
É acessível e abre os olhos de tantas outras pessoas por aí que podem pensar, "se ela conseguiu fazer, também posso".
Então o que eu fiz é algo bem simples mas que na hora que desenvolvi me deu um prazer em misturar elementos que eu adoro para finalizar um quadrinho que eu queria para minha área de serviço.
Desculpem pela qualidade das fotos, mas na empolgação sempre esqueço de fotografar alguma coisa.
Só pra causar um suspense, sabem o que é isso a seguir na foto???


Isso mesmo, uma capa de agenda dura, linda que com ajuda da tesoura e o durex vão fazer bonito.
A capa com certeza iria pro lixo se não fosse tão lindinha assim, concordam??





 Uni as duas capas em uma só com o durex para que ficasse um pedaço inteiro.
Usei mais uma faixa de adesivo que eu tinha pra disfarçar alguns detalhes e pedaços de papel contact branco com arabescos pra criar a frase.





E pras letrinhas não sumirem ao meio do florido da capa, passei canetinha preta ao redor delas.





Peguei 03 prendedores de roupa que eu tinha de madeira e uma tinta que já tinha também, pra combinar com a borda da capa, claro. Foi sem querer mas valeu !!




Pra colar os prendedores na capa dura, usei cola quente que firma melhor. Escolhi esse texto que já vi circulando por aí pois quem não lava as roupas e se depara com o sumiço de uma das meias do par??
Aqui em casa é direto que isso acontece, e agora além de decorar minha área de serviço revisitada, também vai ter a utilidade de pendurar a meia solitária até que seu par perfeito apareça.




Essa parede fica no cantinho da minha área de serviço, próximo a máquina e da porta dos fundos.
Fiz as letras a mão livre, então não ficaram certinhas, e como não podia deixar de ficar,um tanto tortinhas como a dona,heheh...
Isso prova que não precisamos gastar pra mudar alguma coisa ou dar vida pro que já não tinha mais utilidade.Me agradou bastante o fato de ter tudo em casa, não gastei absolutamente nada.Fiquei satisfeita com o resultado.Tenho um quadrinho útil e fazendo uma gracinha na nova área de serviço.


Este post faz parte do projeto DIY Coletivo sos Decor.
Para ficar por dentro das blogagens é só ficar ligado na fanpage do facebook ou no IG @diycoletivo

 


Abraços satisfeitos,
Fernanda

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Luminária rústica



O que cada um de nós entende por 'rústico' pode variar um pouco, mas o meu conceito se baseia naquilo que transformamos sem muito retoques nem variações. Um pouco mais a risca da palavra, algo simples. Acho que é esse conceito que vale pra mim.E é o caso dessa luminária feita pelo meu marido com minha concepção e ajuda em alguns pequenos detalhes.
Essa lata de cerveja que reutilizamos é bem diferente, além de conter 1litro, é importada  e possui algumas variações . Ela muda de lata conforme a  variação de álcool.Mas não vem ao caso, o que interessa é que são latas muiito boas e bonitas para irem pro lixo.
Poderia até se encaixar no projeto do mês das meninas do DIY COLETIVO, mas como tem 04 mãos e mais de uma função pro mesmo objeto, acho que não se encaixaria corretamente na proposta.
A luminária foi feita com uma lata apenas, mas tem mais.Sou suspeita mas adorei o resultado, pra variar.
Algo simples porém útil e com o toque do exclusivo, ah que belezinha!!






Aqui a luminária acesa no meu minúsculo corredor de casa, entre os quartos e o banheiro.E ai?Aprovada?
Vou dizer que achei que o mais fácil seria colocar o fio por onde se abre a lata, mas não deu.O pulo do gato (que é gato mas é meu,hahaha) é abrir um furo com prego largo bem no meio para que a lâmpada fique centralizada e não dançando.
Então, na parte de cima você abre o buraco para passar o fio  e embaixo abre toda a boca da lata para a claridade sair, e também colocar o soquete com a lampadinha, que no caso foi uma bem pequena.





Pra terem uma ideia, o abridor de lata comum não consegue abrir a lata pois não alcança o canto.Então fizemos furos com prego e martelo,um a um,lado a lado.Só depois passei o abridor pra ir soltando o metal.Assim abrimos a parte de baixo sem maiores dificuldades, só um cansaço nos dedos depois...
O que alegra os viventes é o resultado final.A lâmpada já instalada e a luminária a brilhar na sua simplicidade.Me encheu os olhos!!





Mas ainda tinha mais latas para usar e aí elas foram abertas ao contrário.Na parte do lacre em cima.
Assim como na foto abaixo,o mesmo procedimento que fizemos com a luminária.Furamos toda volta das latas com um prego e depois abrimos com o abridor de garrafa.






Aí depois de retiradas essas partes apertamos com o alicate pra deixar as pontas todas pra dentro e não correr risco de sair cortando a gente. Três latas depois...





As azuis são as mais fracas(em teor alcóolico) e vem com as latas douradas, a preta mais forte vem prateada e é igual a que usamos de luminária. Eu adorei que elas são muito firmes e acho lindo o símbolo viking que tem na marca.
Elas muito em breve estarão com flores dentro, assim que eu for na floricultura do meu pátio,hehe...Pretendo usá-las de cachepôs mas também se no caminho eu achar outra utilidade, com certeza usarei pois o material é durável e eu adorei.Pronto, baita motivos!!
Semana que vem tem posts especiais por aqui, o mais empolgante até agora pra mim, que foi a transformação que fiz na minha área de serviço.Muita ideia boa e mão na massa.Vai render!!!
Então é isso por essa semana linda, onde continuei espalhando minhas artes por aí contagiando amigas aqui e ali, esperando poder em breve mostrar mais lindezas por aqui.
Espero que o finde seja repleto de alegrias, belezuras, tempo em família e muito amor em tudo!!!


Abraços  iluminados,
Fernanda

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Final de capítulo




Sabe quando a gente começa um projeto e acha que ele vai ficar bem legal, e durante a execução começa a enfrentar peleia e mais peleia pra que ele fique pronto??
Pois então, eu descobri que fazer uma flor de rolinhos de papel higiênico pode ser muito lindo, mas dá muito trabalho e não depende só da paciência...
Vou dar o meu aval, minha experiência do que ocorreu.
Primeiro, não consegui medir exatamente os centímetros para que cada pétala fique parelha, e isso conta na montagem final e colagem,acreditem.
Depois ,como pintei os outros rolinhos antes de recortar e colar pro tamanho que eu desejei, a cola universal que eu tinha terminou.Comprei outras duas maravilhosas que já havia usado pra mil e uma coisas anteriormente.Mas pra minha surpresa negativa, não colou direito.
Manchou a tinta e com isso, lá fui eu repintar as florzinhas depois de prontas e coladas. Mas ai a flor média que pintei de cobre ficou descolando além de não encaixar as pétalas direito,ficou impossível consertar.Aí decidi que deveria manter as duas que eu tinha planejado bem no início quando imaginei uma branca e uma preta.
Pois bem, o fundo pra onde eu queria transferir não ficou legal nem em amarelo, nem nas outras cores que eu tinha.Me deixou uma opção muito escura, e vou confessar: não gostei.
Marido me perguntou depois de pronto, onde vamos colocar?? E eu sem a menor inspiração respondi que nem sei se vou pendurar...Não gostei mesmo no geral.
Segue as fotos da onde coloquei temporariamente apenas para fotografá-lo






Eu achei que conseguiria ajustar as pétalas e foi baita engano meu, no final colei botões para fazer de miolo pra cada uma e o fundo do quadro é tecido.Fiquei achando que a outra flor que descartei até pudesse fazer uma diferença pra não ficar com a impressão de vazio que me deu...
Mas ainda estou matutando alguma saída , troca de fundo, sei lá...Ainda não sei.Só sei que após finalizar fiquei frustrada.


Aqui em outra posição, tentei todas e nenhuma me deixou satisfeita.Mas é assim, são esses tipos de percalços que nos fazem aprender o que funciona bem e o que as vezes é necessário maior aptidão.
Sou teimosa e ansiosa, e já percebi que isso atrapalha,mas como sempre digo, é bom mostrar o lado bonito e também o feio, onde as coisas não saem como a gente planejou.Assim alguém que vá fazer ou passar por isso já vai cuidar a cola, que precisa ser a universal mesmo ou a quente.Foi com a cola quente que colei os botões e prendi as flores no quadrinho.





A saga do quadro com as flores termina aqui muito provavelmente, pois quando implico com algo, é muito difícil que eu consiga recuperar o gosto.
Porque além de tudo o tecido por mais esticado que eu tenha colocado na armação deu uma enrugada nas pontas, o que não me agradou também.
Mas é assim como tudo na vida, uns dias a gente acerta e ganha, nos outros perde, mas nesse caso pelo menos aprendi algumas coisas importantes:

  • Tem que medir as pétalas nos rolinhos sim para que fiquem certinhas e retinhas;
  • Precisa usar cola universal que cola tudo;
  • Pra fazer de diferentes tamanhos de flor, precisa ter muito cuidado ao colar as pontas,use prendedores de roupa;
Espero ao menos ter desencantado o capítulo final pois pra mim tinha virado uma novela dessas que não acaba nunca e no final é só tragédia,hahaha...
Como diz minha mãe, vivendo e aprendendo!Ainda mais nesse mundo do artesanato.

Até breve!!

Abraços dramáticos,
Fernanda

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Um olhar grato





Gente iluminada, que semana essa!! Tanta coisa acontecendo, tanta novidade, tantos planos,eeee!
Dá vontade de sair correndo nesse dia lindo que está aqui dançando e cantando, mas como não quero ser internada por insanidade, vou me conter e extrapolar no blog mesmo.

Fiquei imensamente feliz com os comentários de vocês, principalmente as meninas que sempre vem aqui deixar um alô e me trazem com isso cada dia mais certeza que estou fazendo o bem.Escrever no blog virou uma necessidade boa, uma alegria em expor tudo que eu faço e  reproduzo do meu jeito.
Claro que não espero agradar à todos porque todo mundo sabe que gosto não se discute não é mesmo? Mas o simples fato de saber que existe tanta blogueira que sente as mesmas coisas que eu sinto ao ter um blog, manter,se preocupar em passar algum conteúdo que seja relevante e agradável...
Um comentário,uma resposta, isso faz com que tudo se torne menos difícil, e o aprendizado trocado então, não tem dinheiro no mundo que pague. É clichê, mas é a mais pura realização pra mim.

Ai ai...Falando nisso, to cheia de projetos legais pra variar e incompletos (novidade!) mas que em breve estarão aqui 'reluzentes'. O maior deles é minha área de serviço/lavanderia.
Peguei dicas do blog amigo  Decorar é preciso e vi alguns vídeos no youtube pra me inspirar.A ideia de remodelar tudo veio de necessidade de espaço, e vocês não tem ideia de como melhorou com simples mudanças e ajustes. Quando isso acontece é muito gratificante.Mostrarei tudinho aqui,podem deixar.

Pra isso que o blog existe, pra expor as coisas que faço, que acredito melhorarem o conforto do meu doce lar.Enche os olhos, então faz bem!!Minha política,hehehe...
Pra fechar com chave de ouro essa semana que foi muito boa,  trago a arrumação que fiz nas minhas suculentas.Cheias de reaproveitamento de vasinhos, desde porta escovas, pet encapada, até taça trincada...(Sei que mostrei elas por aqui, mas agora achei um lugarzinho delas em definitivo)


Muito amor em um caixote só né???Plantinhas fáceis de tratar e que ainda por cima, geram florzinhas.Olhem abaixo que flores mais delicadas!!!


Me empolguei tanto com a variedade que pensei em tirar mudinhas e unir todas num só vaso...O mesmo ta precisando de um carinho, confesso, mas to torcendo para que todas floresçam e fique tudo cheio e lindo.Aí ficarei mais satisfeita ainda.Por agora está assim...


Quem tiver dicas pra me ajudar a ver o vaso repleto delas, fique a vontade , toda ajuda será muito bem vinda.Até porque sei que algumas amigas também amam essas lindinhas né Nayart's ??!!
Espero que tenham um finde lindo, alegre e produtivo em todos campos das suas vidas!!
Até breve!


Abraços contentes,
Fernanda

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

6 meses de blog




Quando se trata de algumas datas comemorativas acabo sendo relapsa e não dou conta de celebrar, de inventar ou comentar apenas sobre....
Mas me lembrei que o blog está completando 06 meses hoje e quis vir aqui comemorar mesmo.Oba!
Quando iniciei um turbilhão de coisas se passou na minha cabeça.Uma delas era, pra que eu vou escrever sobre coisas que eu faço e adoro??
Ah pelo simples fato que isso é uma delícia!!!Hoje eu vejo assim,mas antes...hahahaha...
Era cheia de medos, pensamentos negativos e jurava que não ia segurar a onda.Desistiria em seguida.( a descrente)
Claro que tem vários momentos que ainda sinto receio pois como só reproduzo coisas que eu faço, acaba ficando super complicado não me repetir.Não repetir os mesmos assuntos.Desculpem os que esperam mais.
Mas faço o que posso pra pelo menos ser fiel ao que disse lá no começo, tudo seria autoral.Não é que não queira crescer, não é isso. Apenas me sinto mais segura e fiel ao que acredito continuando nessa linha.Não que eu não vá mostrar coisas legais que eu encontre por ai, nas casas amigas...Isso sim.
É o que me faz estar aqui, ter vontade de expor e mostrar as coisas que eu encontro, que eu faço, que eu acredito que possam inspirar vocês por aí.
Enfim,estou bem feliz por ter esse espaço  e conseguir expressar à minha maneira projetos bem fáceis e executáveis pra tentar sempre alcançar mais e mais pessoas nessa mesma 'vibe'.
Enquanto não termino a montagem do quadrinho novo com os rolinhos de papel higiênico, deixo vocês com um projeto que fiz com garrafas de long neck.
 Pintei com tinta pva fosca preta e escrevi com giz nelas. Quando coloquei as flores e água deu uma manchadinha,hehehe...No gargalo das mesmas encapei com linhas de crochê nas duas das laterais e na do meio um pedaço de pulseira que eu tive e arrebentou imitando camurça.Achei que deram uma quebrada no pretume,gostaram??As mini rosinhas são do meu pátio.Lindas!!
Vi na internet o passo a passo e repliquei a ideia pois amei o resultado.Espero que também se identifiquem.Muito simples né?!!


O bom é que projeto nunca vai faltar pois sempre tem algo novo que podemos transformar, realizar e ficar com nosso gosto, nossa cara.Espero ter sempre isso em mente pra continuar vindo aqui dividir tudo com vocês.
As amizades virtuais que tenho feito através do blog me deixam de peito estufado, pois sempre sinto aquela ponta de satisfação por existir tanta gente por aí que sente esse prazer em tudo que diz respeito a nossa casa, nosso doce lar.
Valeu cada incentivo, cada comentário e que venham muitos mais.
Continuo engatinhando nesse mundo mas cada vez mais feliz pelo aprendizado e troca, e isso que conta não é mesmo??!!

Até breve!!

Abraços festivos,
Fernanda

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Um passo a passo muito especial




Todo mundo bem por ai???



Hoje quero trazer um passo a passo bem legal que tem fotos super auto explicativas ,tudo bem simples como sempre.
Comentei tempos atrás que estive na minha vizinha que é uma baita artesã né?! Eu entendo se não lembrar porque nem lembro o que comi no almoço de ontem,então relevo.Ela me mostrou várias artes e fiquei encantada até porque sabia que ela pintava quadros maravilhosos de paisagens.Além de excelente pintora ela também se aventura na reciclagem e faz caixas em MDF lindas de viver.
Ela se ofereceu pra me ensinar algumas técnicas e uma delas foi como reutilizar os rolinhos de papel higiênico.Não sendo boba me joguei.Aprender do zero como fazer pra reaproveitar algo que ia pro lixo,e de maneira bonita ainda por cima?To dentro.Fiquei muito animada pois ela recém montou seu ateliê que tive o imenso prazer de conhecer.
Vamos ao passo a passo do processo:



Aqui minha professora de artes disse que devemos medir com uma régua o tamanho das tiras que vão ser cortadas.É importante pro acabamento final.Medi com a régua 1cm para depois cortar um a um.

          
      Confesso que mesmo minha profe dizendo pra cuidar as medidas para         melhor acabamento fui estabanada e acabou que tive que         refazer    alguns para deixar no mesmo tamanho.
               Um rolo depois e já formava as pétalas de uma flor.



Para ficar mais pomposa a tal flor, resolvi que queria pétalas dentro dela também.Medi 0,60 cm pra caber direitinho dentro. Esse rolinho em particular tem o fundo branco.O que me fez querer deixar a flor na cor original dele mesmo.No detalhe da foto minha vizinha, ops, a profe  colando com cola universal a pontinha oposta pra colocar dentro da pétala maior.
 

Aqui a flor com seus 'recheios' de pétalas menores no seu interior seguros por prendedores de roupas. Minha profe  me deixou bem a vontade na finalização mas me instruiu a colocar algum enfeite no meio da flor para dar um destaque.Um tchan.


De pertinho dá pra ver o que escolhi: uma borboletinha que tinha aqui. Não ficou perfeitinha mas pra primeira flor eu fiquei bem satisfeita.Agora vou fazer mais duas, uma de cada cor e colocar todas coladas em algum tipo de  quadro. Espero que nas próximas eu consiga medir e cortar certo  na hora de cortar.Sou daquelas que nem receita pra bolo eu sigo a risca...já imaginaram né,hehehe.

Quando ficar pronto o quadrinho eu mostro aqui para compararem se melhorei nos detalhes.Sou muito impaciente e isso atrapalha.Vamos ver se consigo ter mais ensinamentos com minha vizinha, só falta tempo porque ela gentilmente já tem um próximo projetinho pra me mostrar.

E vocês curtem aprender com alguém ensinando pessoalmente ou os vídeos resolvem de boa??

Abraços especiais,
Fernanda


Um terrário baratinho

Oi gente!! Que eu amo suculentas acho que todos aqui já sabem né...Vira e mexe ganho uma muda nova, invento um novo lugar, mudo os v...