segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Um cabideiro e histórias de uma aprendiz de costura



Oiii povo !!!

Sempre que começamos alguma coisa é super empolgante e emocionante.Tudo é novidade, tudo é divertido.Ainda mais quando queremos tanto aprender!!
Mas apesar de brigar muito com minha máquina inicialmente, começo a entender o funcionamento e assim que pegar o manual com minha sogra aposto que tudo vai clarear mais ainda!!
Enquanto isso fui a luta pra arrumar tudo e ter meu canto pra poder costurar e tudo mais.
Eram muitas trocas de móveis, arrumações, limpezas e até mesmo pintura.Pois é, decidi que tinha que demarcar o meu novo canto de costura com a tinta que já havia pintado uma parede no meu quarto(bege claro).
A cor dele é verde no geral, e isso me deixou apreensiva pois deixa mais escuro que o normal o ambiente.Então vamos de tinta clara mesmo!!

Então foi muito tempo arrumando,limpando,trocando tudo de lugar que quase não sobrou pras minhas pendências artísticas!
Consegui terminar o cabideiro que fiz pro quarto do meu enteadinho, bem simples mas os ganchinhos que eu tinha pintado ficaram muito feios.Mesmo lixando e pintando com tinta spray, ficou péssimo!!
Então resolvi usar na cor natural mesmo.
O material eu tinha todo em casa, porta retrato antigo que pintei; ganchinhos, mapas antigos retirados de agendas velhas.
Ah, cola branca normal também.
Segue em fotinhos o projetinho bem básico, rápido e fácil, espero que vocês gostem!





Pintei de azul o porta retrato  pra combinar com o mapa já que os ganchinhos iam ser em vermelho...




Sou gremista mas meu marido e enteadinho são colorados, fazer o que...é minha sina,heheh.Desconsiderem minha foto levemente torta,não aprendo nunca a mirar...tsc tsc tsc!


Como não quis furar a parede, coloquei a fita forte da 3M e pendurei próximo a cama dele.Perto do quadro do mapa de PORTO ALEGRE que ele tem de cabeceira.
Menos uma coisa a ficar solta pelo quarto, agora os bonés tem seu  lugar bem a mão.

Quanto ao meu cantinho novo, assim que terminar de decorar a parede e organizar os apetrechos mostro detalhadamente.Serão muitas novidades num super post com mil fotos,podem ir se preparando.To mais contente do que imaginava,uma coisa simples mas que facilitou meu dia a dia e finais de semana onde costumo criar e fazer meus artesanatos.

Vem coisa boa por aí, aguardem!!

Abraços cansados mas realizados,
Fernanda

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Quando a gente gosta a gente aprende




Sabe aquela pessoa que não consegue disfarçar o que está sentindo ou pensando??A cara denuncia???
Pois então,sou eu.Pro bem e pro mal não sei esconder minhas emoções e acabo deixando transparecer meus sentimentos só no olhar e expressões faciais.
Então quando não gosto de algo fica até constrangedor né, mas as pessoas vão entendendo que é meu jeito taurino de ser,e me amam ou odeiam.
Pois então, isso tudo pra contar que ganhei uma máquina de costura da minha sogra, posso até já ter mencionado anteriormente, mas agora posso dizer que é oficial.
A sogra me ensinou a colocar as linhas na máquina, regular os pontos e iniciar o processo de costura.
Isso tudo me deixou imensamente feliz e ainda bem pois sempre tem aquela coisa, sogra e nora...Não se bicam, não se dão bem e etc,heheh...Mas acho que depois das últimas demonstrações da minha posso ao menos achar que ela me quer muito bem.
Antes de continuar a contar minha saga, sente que máquina eu to treinando:


Não consegui evitar a emoção quando consegui costurar sozinha, e tirei a foto sem nem dar conta de toda bagunça de fundo.Desculpa aê!!
Fiz alguns testes e agora estou empolgada em costurar uma cortina simples pro meu armário da cozinha.Acredito que quando a gente gosta de alguma coisa, faz o possível pra ela se transformar em realidade.Eu nunca tive ninguém me ensinando a costurar e agora vou aprender .Se tiver que ser sozinha,será. Me sinto capaz e o coração pula na boca quando penso quanta coisa posso fazer mais rapidamente e com melhor qualidade,nossa!!

Continuando a novela que comecei lá em cima, eu ganhei também da sogra a máquina de escrever antiga dela.Não soube me precisar quanto tempo ela tem, mas pretendo levar no senhor que vi na tv aqui de POA que ainda conserta essas máquinas.Ele vai saber me dizer melhor o que preciso.
E antes de morrer de amores porque ela tem fita ainda e é completamente manual, a querida tá precisando de um carinho.Depois de ser lubrificada e devidamente inspecionada to pensando seriamente em pintar a belezura com outra cor.O vermelhinho dela tá bem borocoxô...





E por incrível que pareça ela ainda tem a maleta para guardar e carregar mais facilmente para onde quiser levar a fantasia das palavras digitadas nessa belezinha.Eu aprendi a digitar numa máquina eletrônica mas confesso que sou mais que fã dessas manuais.Parece que são mais especiais, as letras saem com mais cor, amor...

Bem , enquanto estou na fase de aprender a costurar na marra , os meus outros projetos vão ficando em segundo plano,mas não foram esquecidos.Ainda tenho mais floreira pra mostrar, tenho cabideiro quase pronto pro quarto do meu enteado, tem cortina pro armário da cozinha...
É muita coisa e só dois bracinhos pra executar nas horas vagas,então...demora mesmo.
Mas precisava vir aqui contar as novidades, meu bloguinho me dá a motivação que preciso pra colorir sempre meu cantinho com tudo que o artesanato pode nos proporcionar.

Então me aguardemmmm!!

Abraços felizes e empolgados,
Fernanda







terça-feira, 13 de outubro de 2015

Pitadas de amor



Oi pessoas!!!

Quem acompanha as notícias deve ter visto que a chuva tem castigado e muito meu estado RS. E no feriado não foi diferente, a chuva praticamente não deu trégua.
Muita notícia triste e ruim vem com os alagamentos e tudo mais, espero que essa realidade mude.Não sei como, mas ainda tenho esperança.
Em função disso, ficou bem difícil colocar em prática minhas ideias que estão planejadas e inicialmente seriam executadas nos dias de folga.
Mas como não consigo parar quieta, o que deu pra fazer, iniciar, eu fiz.Dentro do possível pois a cola não secava de jeito nenhum...A tinta demorou mais que o normal pra secar...
Se não fosse teimosa como sou tinha deixado tudo pra depois, mas não seria eu, então na finaleira de ontem, o último dia de folga consegui finalizar um projeto ao menos,eeeeeeee!!
Já contei aqui que tive passarinhos resgatados e quando eles se foram, ficaram as gaiolas.Não gosto de nenhum bicho preso, então sabia que jamais utilizaria minhas gaiolas.E eis que me deu vontade de transformá-las em floreiras.Acho que até fotografei o início do processo,cortando a parte frontal com alicate.Mas não sei o que fiz,provavelmente deletei sem querer, portanto me desculpem.
Tinha limpado bem com pano úmido, e pintei com tinta spray cobre, que eu adoro pra tudo que é projeto...Assim como minha amiga Lívia do blog Decorar é Preciso. Sou fã dessa cor.Tudo fica mais bonito.
Então voi lá, segue como ficou a primeira floreira já finalizada e fixada no pátio dos fundos:






Coloquei uma das minhas suculentas que adoram 'cair' pra fora dos vasinhos, e uma chaleira feita de latinha por um artista desses de rua...Comprei no dia do meu aniversário,achei BEM legal.
Desconsiderem o quebradinho em cima da gaiola,como é de madeira fininha, me excedi na força na hora de cortar a parte frontal e ficou assim...Faz de conta que é de desgaste,heheh...

To coçando pra terminar os outros projetos que precisavam de tempo seco, mas o finde rendeu pra comprar mais coisas pra casa,sei que a crise está aqui mas se depender esperar ela passar pra fazermos as coisas...Já viram!
Então em vez de reformular a cozinha vamos ao banheiro que tá precisando de um carinho especial.
Marido que topa minhas mudanças concordou com a função e em breve postarei o antes e o depois de como ficou o nosso banheiro amado.
Ir nessas lojas de construções são um desafio difícil, sempre saímos com mais coisas que existiam na lista inicialmente,ooo coisa séria.Mas juro que tudo eram coisas necessárias.Querem ver??





Tudo coisas para serem usadas em breve, e as tintas que eu queria pros projetinhos em andamento.Quando forem pro lugar eu mostro direitinho, a prateleira e o porta escovas.
Tirei no quarto do meu enteado,em cima do móvel que armazena os livros dentro de um caixotinho.

Estava com saudade daqui,de vocês!Espero que o tempo colabore pois aí em breve metralharei de posts finalizados.Não vejo a hora.

Uma ótima semana curtinha pra todos!!

Abraços esperançosos,
Fernanda
 

Um terrário baratinho

Oi gente!! Que eu amo suculentas acho que todos aqui já sabem né...Vira e mexe ganho uma muda nova, invento um novo lugar, mudo os v...